My Sound Mag

Cartazes, Horários e música

2016/01/20

[LETRA] DEOLINDA - CORZINHA DE VERÃO


Deolinda - Corzinha de Verão


Porque é que o sol nunca brilha quando fico de férias
Fins de semana, ou nos meus dias de folga
Eu passo os dias a ver pessoas em fatos de banho
Calções e havaianas e eu sempre de camisola

E eu andei o ano inteiro, a juntar o meu dinheiro
Para esta desilusão
Dava todo o meu ouro por um pouco do teu bronze
Uma corzinha de verão

Vento, eu na praia a levar com vento
A rogar pragas e a culpar são pedro
que mal fiz eu ao céu
E vento, Juro imaginar bom tempo
Espalho o protetor solar e estendo o corpo no museu

Porque tudo conspira contra a minha vontade
Sim sim é verdade não estou a ser pessimista
É que a vizinha da cave é sempre a mais bronzeada
Trás um sorriso na cara e não sabe quem foi Kandinsky

E eu andei o ano inteiro, a juntar o meu dinheiro
Para esta desilusão
Dava todo o meu ouro por um pouco do teu bronze
Uma corzinha de verão

Vento, eu na praia a levar com vento
A rogar pragas e a culpar são pedro
que mal fiz eu ao céu
E vento, Juro imaginar bom tempo
Espalho o protetor solar e estendo o corpo no museu (2x)

O corpo no museu