My Sound Mag

Cartazes, Horários e música

Música, Televisão e...

2022/01/03

Biografia de Jorge Guerreiro (Quem é o cantor, idade,...)

Jorge Guerreiro é conhecido por muitos por  “Bárá Bárá Bêrê Bêrê”  mas a história do artista é muito mais que uma música, sendo uma carreira com mais de 10 anos de vida.




Quem é Jorge Guerreiro?

Jorge Guerreiro nasceu no dia 6 de Dezembro de 1981, tendo vivendo toda a sua vida na zona metropolitana de Lisboa. No entanto, a sua naturalidade e onde cresceu foi na zona do Cacém, distrito de Sintra.

Primeiros Anos

Apesar de gostar de música, a vida de artista de Jorge Guerreiro não foi como hoje em dia a maior parte dos artistas que já crescem com um microfone na mão.

Mas ao longo da sua juventude para além de decorar músicas e ter os sonhos de menino de pisar um palco grande, começou a ter aulas de canto.

Posteriormente, entrou no mundo do karaoke onde animou centenas de festas. Este era o caminho mais simples para entrar no mundo da música mesmo que os palcos fossem bastante mais pequenos.

A sua voz leva a que muitos cantores "não pimba" fiquem envergonhados. Afinal a música ligeira ou popular não significa que tenha menos qualidade vocal: o público é que é diferente.

Primeiro disco

Jorge Guerreiro lançou o seu primeiro disco em Março de 2009. Com 27 anos lança "Fúria de Vencer" de onde saem os singles "Dona de Mim" e "Abandonado Fiquei" que soam por todo o portugal, tendo chegado ao top em duas rádios do norte chegando a estar 7 semanas em primeiro lugar.

Primeiro Concerto

No ínicio de 2010 o cantor dá o seu primeiro concerto para mais de 3000 pessoas na festa da Rádio Festival. Habituado a concertos mais pequenos, esta festa que junta vários artistas ao palco, trouxe uma magnitude da música que Jorge Guerreiro não estava habituado.

Até este momento limitava-se a pequenos concertos e a festas mais pequenas, mas este foi o ponto de viragem da sua carreira.

Festival da Canção 2010

Jorge Guerreiro também participou no Festival da Canção de 2010. Cantando o tema "Ai, Lisboa", com letra de Catarina Martins e música de José Felix, Jorge Guerreiro obteve o 15º lugar numa edição onde a grande venceoa foi Filipa Azevedo.

Provando mais uma vez qe uma má classificação no Festival da Canção pode ser o ínicio duma boa carreira, Jorge Guerreiro não baixou a cabeça e continuou com a sua carreira musical.

Presenças na televisão

Foi em 2010, que Jorge Guerreiro começou a ser presença mais assidua nos programas de televisão. Para muitos são apenas os programas que correm as festas e feiras de Portugal no sábado ou domingo á tarde, mas para os cantores de música ligeira é uma excelente forma de mostrarem os seus êxitos permitindo serem contratados para mais espetaculos.

Ainda hoje, Jorge Guerreiro é dos artistas com mais presenças neste género de programas, não escondendo o gosto que tem por estar junto do seu público.

Concertos lá fora

Em 2010, teve os seus primeiros concertos nas comunidades portuguesas tendo tido três concertos em Toronto (Canadá). Provavelmente "Fisrt Portuguese", "Casa do Alentejo" ou "Academia do Bacalhau" pouco dizem aos portugueses que vivem em Portugal, mas para Jorge Guerreiro, foram os três primeiros palcos de muitos que viriam pela frente por dezenas de países onde existe emigrantes portugueses.

Música que muda a carreira de Jorge Guerreiro

Em 2013, Jorge Guerreiro lança o seu segundo trabalho discográfico que dá pelo nome de "Cor da Esperança". Depois de ter lançado dois singles no ano anterior "Nossa Noite" e "Quero-te ao pé de mim", Cor da Esperança trás aquele que é o tema mais conhecido do cantor “Bárá Bárá Bêrê Bêrê”.

“Bárá Bárá Bêrê Bêrê”

Por menos que se conheça a música ligeira portuguesa, e foi a uma festa popular nos últimos 5, 6 nos provavelmente ouvir a música que tem como refrão "Bárá Bárá Bêrê Bêrê" e sendo a versão de Jorge Guerreiro a mais conhecida em Portugal, a origem da música não é Portuguesa.

Este tema foi cantado por múltiplos artistas brasileiros, dos quais o mais destacado é Luan Santana, tendo depois ter sido adaptado por Jorge Guerreiro, tornando este o cantor mais conhecido em Portugal a interpretar a música de Dorgival Dantas, compositor original de “Bárá Bárá Bêrê Bêrê”.

Esta música foi sucesso em múltiplos países não só na sua versão original como nos seus remix tendo chegado a muitos tops de música electrónica internacional como é o caso do top da Bélgica, Polónia ou Russia.

Novos discos

Depois do mega-sucesso de “Bárá Bárá Bêrê Bêrê” Jorge Guerreiro lançou mais três discos  Don’t Stop (2014), Dança Comigo (2017) e Atolambada (2018).

Muitas vezes é dificil de descolar do grande sucesso, mas Jorge Guerreiro continua na procura de música que possa levar regularmente nos seus concertos.

Concertos de Jorge Guerreiro

Ao longo da sua carreira, nos últimos 10 anos, Jorge Guerreiro já levou a sua música a centenas de concertos com milhares de pessoas em portugal e no estrangeiro.

A grande Lisboa e o grande Porto são os locais onde o artista é mais vezes contratado, mas depois de 2022 provavelmente será um artista de espetro nacional á semelhança dos reis da música popular.

Ler Mais: Conheces a maioria dos artistas do Somos Portugal?

Entrada no Big Brother Famosos 2022

Em 2022, Jorge Guerreiro entrou na Casa do Big Brother para abraçar um novo desafio de mostrar-se não só enquanto artista mas quem é o Jorge Guerreiro, por de trás do brilho. 

Entrou com mais 12 famosos na casa mais vigiada do país para mostrar que a música ligeira é muito mais que música pimba.

Vou alugar um quarto: a música de Jorge Guerreiro que toda a gente canta no BB Famosos

Este programa visto por uma audiência bastante alargada por todos os distritos de Portugal poderá colocar Jorge Guerreiro num futuro próximo ao nível de outros artistas da música portuguesa como Emanuel, Toy, entre outros.