My Sound Mag

Cartazes, Horários e música

Música, Televisão e...

2020/11/26

[LETRA] PIRUKA - COROA

Conhece a nova música de Piruka "Coroa".




Letra: Piruka Coroa

[Verso 1]
Yau yau yau, ei
Família de sangue quente aprendi a ter sangue frio
Não corro atrás de tendências, tendências sou eu que as crio
O que vende é a aparência, boa música sumiu
E se a vida é uma puta vá pá puta que a pariu
Que eu vi muita vaca louca a querer jogar à cabra cega
Todas querem um daddy e sabem que o papá não nega nada
Se pega, paga
Uns sem companhia, companhia veste Prada
Eu quero é pôr a guita em casa, Hood Grove no mapa
Não me vês falar de balas, e a minha turma não papa
Meu tropa concentra que não ando a ver passar navios
Sem muito quê quê quê, aqui não há cachê p'a views
Lembra-te que hoje és grande aqui à pala do pequeno
Não passas de um chupa pilas que chupa tudo o que bate
Quero dar a volta ao mundo, p'ra mim a tuga é pequena
E acredita que o pequeno virou um grande craque
Troquei pó talco pelo palco p'a correr em busca de algo
E o que eu trago é sem tréguas p'ás éguas que sonham alto
Se eu mato lá na meta eu sei que muitos me imitam
Um dia eu bato lá na banda e o meu bando nem acredita

[Refrão]
E tu não dês p'a Pato Donald, que o Trump usa peruca
Já me vejo da Groove Tower com a minha broca na boca
L&L Louca Life, venho da minha vida louca
Viveste pouca vida, na vida vais passar pouca
Larguei o narcotráfico e trafico trajetórias
Mas o meu frigorífico nunca se encheu de histórias
Eu quero é notas meu puto, agora só penso em cash
Enquanto o Pirukinha sobe, a Hood Groove cresce

E tu não dês p'a Pato Donald, que o Trump usa peruca
Já me vejo da Groove Tower com a minha broca na boca
L&L Louca Life, venho da minha vida louca
Viveste pouca vida, na vida vais passar pouca
Larguei o narcotráfico e trafico trajetórias
Mas o meu frigorífico nunca se encheu de histórias
Eu quero é notas meu puto, agora só penso em cash
Enquanto o Pirukinha sobe, a Hood Groove cresce

[Verso 2]
Desde cedo no move dread, não tive uma vida santa
Enquanto tu cortavas bifes, eu aprendia a cortar branca
Enquanto tu vias filmes, eu fazia-os lá na banca
Se o meu ídolo era o meu pai e o meu pai 'tava de cana
Queres o quê?
Han, tu queres o quê?
Hoje sou visto por toda a gente e a bongó já nem me vê
Não não, tu queres o quê?
Diz-me lá, tu queres o quê?
Se eu só tenho 26 e já me tratam por você
Pus a minha velha no trono com reforma antecipada
Uma vida sem descontos e aos 50 reformada
Então olá sou o André, estilo quatro cantos que sa foda
Da peruca p'a Piruka e a peruca virou coroa, fuck it

Será que conheces todos os rappers do top 100 de rappers nacionais? Vê qual a posição de Piruka.